Canoas investe na atração de investimentos

Os resultados do programa de atração de novos empreendimentos para Canoas foram apresentados no dia 16 de setembro pelo prefeito Jairo Jorge na reunião-almoço do Sinduscon/RS, em Porto Alegre. Atribuiu o desempenho à filosofia de trabalho implementada desde a sua primeira gestão à testa do Município baseada no binômio celeridade com responsabilidade visando atrair empresários interessados em investir no município nos diversos setores de atividade produtiva. Exemplificou entre conquistas recentes com os Centros de Distribuição da Paquetá e da Fruki, o Mega Intermodal Canoas, o Parque Shopping Canoas Multiplan, as fabricantes de caminhões Navistar e de aerogeradores Alston, além de projetos imobiliários que visam a ocupação de vazios urbanos.

O Parque Canoas de Inovação (PCI) acontecerá na Fazenda Guajuviras e ocupará uma área de 500 hectares. Após sua implantação, a previsão é de gerar 34,3 mil empregos. O investimento total, distribuído em quatro fases, somará cerca R$ 73,7 milhões. A ideia é concluir a primeira fase e parte da segunda até o final de 2016. O PCI englobará: Parque Tecnológico, Parque Social e Comunitário, Parque do Conhecimento, Parque Natural, Parque de Serviços, Parque Público e Parque Científico.

O Shopping Metropolitan Park, no bairro Marechal Rondon (R$ 300 milhões), que será construído pela Multiplan, tornou-se uma realidade no município devido principalmente a três fatores: a agilização, com a aprovação do projeto em 57 dias (tempo menor do que o prometido); à Lei do Gatilho (que reduziu a alíquota do ISSQN para 2%, com um aumento de arrecadação em mais de 50%); e à criação do Escritório do Empreendedor que já efetuou mais de 100 mil atendimentos, propiciando uma diversificação na economia do município, com a abertura de mais de 10 mil novas empresas.

Mencionou ainda que até o fim deste mandato pretende oficializar a entrega de sete mil unidades habitacionais, através do Minha Casa Minha Vida. “O Programa federal em Canoas aconteceu porque a Prefeitura foi parceira com a doação de terrenos e com investimentos em infraestrutura e equipamentos urbanos”, disse.

Outra iniciativa do município é a Plataforma Logística, que será construída junto à Base Aérea, estando previsto o uso desse aeroporto militar também para o transporte de cargas. O presidente do Sinduscon/RS, Paulo Vanzetto Garcia, lembrou que o prefeito canoense teve sua atuação reconhecida pela população, com elevado índice de aprovação, traduzido na reeleição, enquanto no Executivo estadual nunca um governante foi reconduzido. Alertou, por outro lado, para o fato de que a morosidade que ocorre na aprovação dos processos nos órgãos públicos talvez não seja resultado da escassez de pessoal nessas repartições, mas sim de sistemas obsoletos de trabalho que continuam sendo utilizados, gerando os gargalos conhecidos que travam os novos investimentos.

Acesse a apresentação na área exclusiva dos associados

 

 

Leia Também

Deixe seu comentário